Black Belt Lean Six Sigma: Saiba o que é e o que faz

Com um mercado profissional cada vez mais competitivo, muitos profissionais em formação e até mesmo formados buscam um diferencial para a sua carreira. Com isso, um desses diferenciais que recebem destaque é a formação Black Belt Lean Six Sigma.

 “Entenda o que um Black Belt pode fazer e como ser um mestre em Lean Six Sigma pode impulsionar sua carreira profissional”.

Marcello Soares
CEO e Master Black Belt
Uma ilustração mostrando como funciona a metodologia Lean Six Sigma

O Black Belt Lean Six Sigma está cada vez mais sendo requisitado pelo mercado de trabalho por ajudar o profissional a usar todo o seu conhecimento para alavancar os seus projetos de melhoria contínua dentro da empresa onde trabalha, gerando assim maior eficiência e contribuindo para os ganhos da empresa.

Mesmo se você não sabe o que é, muito provavelmente já ouviu falar sobre esse tipo de formação e sentiu um pouco de curiosidade a respeito para tentar entender qual é a importância e como a formação em Black Belt Lean Six Sigma pode te ajudar em seu ambiente de trabalho.

Quer saber mais sobre o assunto? Então confira a seguir tudo o que você precisa saber sobre o Black Belt Lean Six Sigma e como ele pode te ajudar a conseguir destaque em seu ambiente de trabalho.

Veja mais: Treinamento Black Belt Especialista

O que é Black Belt?

Black Belt é uma das faixas da metodologia Lean Six Sigma, sendo essa uma metodologia voltada para a implementação de projetos de melhoria contínua que visam a diminuição ou eliminação de falhas em um determinado processo, melhorando assim os resultados da empresa.

Os profissionais que possuem a faixa preta na metodologia Lean são capazes de liderar equipes na implementação de projetos com um alto grau de complexidade, devendo assim possuir habilidades técnicas como conhecimento da metodologia DMAIC, ferramentas estatísticas e ainda precisam ser líderes com iniciativa, foco, bom trabalho em equipe e boa comunicação.

Um dos suportes que o Black Belt possui são os Green Belts, que em conjunto com esses líderes servem como um agente dentro da empresa que visam a mudança cultural e mental por meio do Six Sigma no ambiente de trabalho.  

A História do Black Belt

Muitos acreditam que a história do Black Belt Lean Six Sigma surgiu na Motorola, porém não foi exatamente assim que surgiram os profissionais Black Belt Lean Six Sigma. O termo Black Belt foi inventado em meados da década de 80, na Usinys Corporation, localizada em Salt Lake, nos Estados Unidos.

O termo foi desenvolvido pela Usinys Corporation, pois lá houve a formação da primeira turma de Black Belt. Tudo isso surgiu com a intenção de se criar um paralelo entre a luta de karatê e a metodologia Six Sigma, já que as duas necessitam de força, velocidade e foco, além da exigência de toda uma disciplina mental e um treinamento intenso e sistemático.

Há uma confusão na história do Black Belt por conta da metodologia Lean Six Sigma ter sido desenvolvida na Motorola. A Motorola desenvolveu essa metodologia inicialmente somente com o objetivo de diminuir a sua taxa de falha na montagem dos seus produtos eletrônicos, aumentando assim toda a confiabilidade do seu processo.

O Conceito do Black Belt

Como sabemos a metodologia Lean Six Sigma possui alguns níveis de certificação das suas faixas (belts), começando no White, seguindo para o Yellow, passando para o Green, chegando no Black e por fim no Master Black Belt (que é o seu último nível de certificação).

O Black Belt é o penúltimo nível de certificação dentro da metodologia Lean Six Sigma. Ao conseguir uma certificação black o profissional consegue ter um grande conhecimento teórico e prático para aplicar metodologias da melhoria contínua.

O profissional que possui a certificação Black Belt é fortemente treinado em Lean Six Sigma, para que ele possa e também consiga dedicar o seu tempo e o conhecimento adquirido para analisar os problemas de uma empresa e encontrar as melhores soluções.

Geralmente esses problemas estão relacionados às falhas em um processo e por isso o seu objetivo é reduzir ou eliminar essas falhas, conseguindo dessa forma melhorar a produtividade da empresa e a qualidade dos seus processos.

Um profissional Black Belt tem a capacidade de planejar e dirigir da melhor forma possível os projetos e estratégias de melhoria contínua que a empresa deve adotar. Ao dirigir os projetos de melhoria dentro da empresa o Black Belt adota medidas de monitoramento do desempenho de cada um desses projetos para assim poder verificar o andamento e se há alterações a serem feitas.

Diferenças entre um Green Belt e Black Belt

Diferentes níveis do Lean Six Sigma

Como já foi dito anteriormente, a metodologia Lean Six Sigma possui os seus níveis de certificação, variando do mais básico (white) até ao mais avançado (Master Black Belt). Dentro desses níveis de certificação podemos encontrar o nível intermediário (Green Belt). Mas muitos profissionais não conseguem identificar de forma precisa quais são as reais diferenças entre um Green e Black Belt na prática.

Para que você possa entender melhor tais diferenças é necessário entender como atuam os profissionais dessas diferentes faixas:

Green Belt Lean Six Sigma

O profissional Green Belt se encontra no nível intermediário da metodologia Lean. Esses profissionais são os responsáveis pela liderança e execução de projetos voltados para a melhoria contínua relevante dentro de uma empresa.

Um colaborador faixa verde deve alcançar a meta de melhoria que foi sugerida pela direção da empresa em conjunto com um profissional Black Belt. Geralmente os profissionais que estão na zona intermediária da metodologia Seis Sigma atuam como supervisores, coordenadores ou em áreas de análises.

Black Belt Lean Six Sigma

O profissional com certificação Black é o que atingiu um dos níveis máximos da metodologia. Esse profissional é uma referência para a empresa quando o assunto é Lean Six Sigma e qualquer coisa que possua relação com projetos de melhoria. Ter um Black Belt atuando em projetos e processos significa que aquilo é confiável.

O Black Belt possui a capacidade de liderar uma equipe formada por Green Belts em projetos de melhoria, já que tais projetos exigem conhecimento não somente da parte de quem monta as estratégias (Black), mas também de quem executa de forma técnica (Green).

Além disso, o Black Belt possui um domínio total de ferramentas de cunho estatísticos e de qualidade, atuando com seu conhecimento técnico das ferramentas e conhecimento técnico sobre gestão de equipes, já que precisa liderar grandes equipes para projetos que são classificados como complexos.

Geralmente os Black Belts são profissionais capazes de atuar em altos cargos dentro de uma empresa, já que são considerados líderes de pessoas e projetos.

Benefícios do Black Belt para as Empresas

Para que um Black Belt possa entregar os melhores resultados é importante que ele esteja atuando em funções de liderança ou que esteja a caminho de assumir um setor dentro da empresa.

Um profissional certificado e que ocupa uma posição correta consegue fazer com que a metodologia Lean Six Sigma seja implantada nos mais variados setores de uma empresa.

Existem diversos benefícios que esse tipo de profissional pode proporcionar para a organização de modo geral. Alguns benefícios de ter um Black Belt em uma empresa são:

– Resolução de problemas complexos em um período menor;

– Além de ser o principal responsável em resolver problemas, o profissional Black Belt tem a capacidade analítica para descobrir quais são os principais fatores que geram problemas, sendo possível assim gerar medidas para impedir que tais problemas ocorram novamente;

– Atua na implantação de projetos eficientes e de custos reduzidos;

– Aumenta a confiabilidade do processo, já que visa a eliminação de defeitos e aumenta consequentemente a qualidade;

– Aumenta o número de vendas, já que o processo é mais confiável e possui maior qualidade;

– Tornar processos mais eficientes;

– Contribui para a lealdade e fidelização do consumidor, já que ajuda no fornecimento de produtos ou serviços de maior qualidade;

– Ajuda a melhorar a competitividade da sua empresa ao gerar estratégias Black Belt Lean Six Sigma na área de publicidade e vendas,

– Torna o processo de tomada de decisão mais simples, já que o Seis Sigma possui uma grande base de informações baseadas em investigações do cotidiano da empresa.

Onde trabalha um Especialista em Black Belt

Um especialista em Black Belt Lean Six Sigma pode atuar em diversas empresas e em cargos efetivos de liderança que representem um papel importante na tomada de decisões de uma empresa.

Os setores em que atuam são os mais variados, fazendo aplicações estratégicas de projetos de melhoria contínua para que haja eliminação de defeitos no processo analisado e assim os custos sejam também reduzidos.

É muito comum ver especialistas em Black Belt trabalhando em grandes empresas nacionais e multinacionais, em especial nas indústrias e fábricas, que precisam sempre atuar na otimização de seus processos para eliminar falhas e gargalos.

Em média quanto ganha um Profissional Certificado?

Um profissional que possui certificação Black Belt Lean Six Sigma possui uma média salarial alta. Embora o salário desse profissional sofra uma grande variação de acordo com o porte e tipo de empresa, um profissional com certificação e domínio da metodologia pode ganhar em média R$8.800, podendo conseguir um salário máximo de R$18.100.

Uma pesquisa realizada pela American Society for Quality (ASQ), realizada recentemente nos Estados Unidos, revelou que os profissionais certificados em Black Belt ganham em torno de 15% a 20% a mais que colegas atuantes na mesma área, mas que não possuem a certificação.

Por conta da escassez de profissionais Black Belt no mercado de trabalho, esse profissional costuma ser altamente valorizado, atuando em cargos importantes dentro da empresa e recebendo bons salários.

Como é o treinamento de Black Belt na Labone?

O treinamento tem 05 módulos que explicarão:

  • a metodologia para o desenvolvimento de projetos de melhoria chamada de DMAIC;
  • as definições de Lean e Six Sigma;
  • ferramentas diferenciadas Design de Experimentos;
  • testes estatísticos variados: 1 Sample t, 2 Sample t, anova, etc.
  • Entre outras, para que você possa melhorar processos, produtos e serviços por meio da identificação de causas raízes e implantação de controles eficazes de melhoria.

O foco deste treinamento é a parte prática, ou seja, não há a intenção de aprofundamentos estatísticos, mas sim, o conhecimento e aplicabilidade real de conceitos e ferramentas, que somadas a experiência prática da Labone, irá agregar valor para você.

Com este treinamento você será capaz de estruturar um projeto de melhoria contínua com escopo entre 4 a 6 meses, através das fases, conceitos e ferramentas do DMAIC, e também acompanhará o desenvolvimento de um projeto prático ao longo da evolução dos módulos

Lembrando que  o currículo além de ser acreditado pelo conselho internacional CSSC (Council for Six Sigma Certification), ministrado por Master Black Belt formado pela George Group de Dallas/Texas, contempla todo o conteúdo recomendado pela ASQ (American Society for Quality) e está alinhado com a ISO 13053 – Six Sigma.

Como resultado de tudo isto, o seu aprendizado e desenvolvimento serão melhorados, propiciando uma forma melhor de enxergar e trabalhar as oportunidades, e por consequência criando mais atratividade para o mercado de trabalho.

Conclusão

A certificação em Black Belt Lean Six Sigma é uma ótima opção para profissionais que desejam alavancar a sua carreira profissional. No entanto, é importante escolher uma empresa confiável para obter a certificação na metodologia Six Sigma.

Busque se certificar hoje mesmo para se garantir no mercado de trabalho, pois com um mercado profissional cada vez mais competitivo, é muito importante buscar formas de se destacar dos profissionais concorrentes.

Comente

Seu endereço de e-mail não será publicado.